quinta-feira, agosto 16, 2007

NOMES DA MINHA DOR

Tenho nomes na memória
os quais não posso apagar
cada um com sua história
história que não posso contar.

Mas por estranha ironia
e mesmo contradição
vivem com harmonia
dentro do meu coração.

Tenho nomes meu amor
que me causam sofrimento
e apesar de tanta dor
não me sai nem um lamento.

Se fosse poeta eu sei
que mesmo sem fantasia
os nomes que não direi
transformava em poesia.

E se esse poema fosse
o mais verdadeiro poema
não teria a minha posse
não diria a minha pena.

Tenho nomes na memória
no meu sangue e até na alma
cada um com sua história
que me pertubam a calma.

E se Deus me apontar
com um dedo acusador
nem a Deus hei-de contar
os nomes da minha dor.


Fernanda

12 comentários:

Sol da meia noite disse...

Há em nós tanta coisa que nos causa uma imensa dor...
Tanta coisa da qual não queremos falar...

Muitos beijinhos!!!

astrid disse...

Todos fugimos dessa dôr.
Tu tens poema, nós temos poetisa.

Eu analiso o poema.A sério.

Compreendo a paixão do João Garcia pela Montanha,a minha pelo Mar.

Quanto a paixões humanas dificilmente seria reincidente.

Quanto à minha imaginação: não ouso usar 1/100.

Quanto ao Elvis e ao "love me tender":

Faz hoje 30 anos. que morreu.Toda a imprensa refere o dia. Fiquei a saber pelo DN que gostava de pão com banana e que mandava flores, em forma de guitarra à 1ª namomorada.
Os videos dele são os mais procurados hoje no YouTube.
Tinha 77 K quando saiu da tropa e quando morreu aos 40, pesava 118K.
Será possível que não te lembres do dia?Afinal pertencem ao Grupo dos Grandes Românticos.(GGR)
Existem na dimensão lírica.O Rei (EP)e tu, trabalhas para tal. Eu gosto de aplaudir a criatividade.
Não tenho pena de não pertencer ao GGR. mas tenho imaginação e sou criativa (o que posso).
E depois gosto do humor até mais não!
Dificilmente teria o direito de pertencer ao GGR.

parabéns e beijinhos

Maria disse...

E a facilidade que tens a versejar?
Eu sou completamente incapaz de escrever como tu... nem que me esforçasse muito, não saía...

Beijos

sonhadora disse...

As tuas palavras são sempre de sonho.
Beijinhos embrulhados em abraços.

sofialisboa disse...

vim aqui nos meus passeios pelos blog e gostei muito das tuas palavras fernanda, gostei. sofialisboa

O Profeta disse...

Tu és imensa! Tens nas palavras o virtuosismo dos mestres...

Profético beijo

Fernanda e Poemas disse...

Astrid, obrigada pelos belos comentários.
Não me esqueci do Elvis,´só que tenho pouco tempo disponível para fazer grandes, postagens.
Quanto ao tema que colocas-te no teu blogue é um dos meus favoritos.
" Quem não se lembra do famoso LOVE ME TENDER " , obrigada e muitos beijinhos.

Fernanda

Fernanda e Poemas disse...

Sol da meia noite, lindo e certo o teu comentário.
Obrigada,

Beijinhos,

Fernanda

Fernanda e Poemas disse...

Maria, a tua modéstia è de louvar,
mas totalmente infundável.
As tuas postagens são lindas!!!!!!!
Nem ontem e hoje também não consegui entrar no teu blogue.
Vou tentar mais logo.

BJS

Fernanda

Fernanda e Poemas disse...

Sonhodora, sem ti o mundo seria muito feio.

BJS,

Fernanda

Fernanda e Poemas disse...

Profeta,não á dúvida és celestial e " Entre o mar e a Terra " existe um grande amigo " TU ".

Muitos beijinhos,

Fany

Sahmany disse...

Adorei!!! a d o r e i !!!
Tb tenho lá os meus nomes.
Abraço pra vc