quinta-feira, abril 29, 2010

!...FIM DUM AMOR DE OUTONO...!



FOTOS DAS ILHAS AÇOREANAS... PORTUGAL
ESTA POSTAGEM FAZ PARTE DA BLOGAGEM COLECTIVA
INTITULADA ...O U T O N O ...


AQUELE AMOR TÃO BONITO
QUE NA PRAIA FICOU ESCRITO
COM OS MEUS DEDOS DOS PÉS,
ERA UM AMOR SEM FUTURO
TÃO FRÁGIL E INSEGURO,
FOI NAS PRIMEIRAS MARÉS.


VEIO UMA ONDA APAGOU-O,
VEIO OUTRA ONDA E LEVOU-O
BEM PARA DENTRO DO MAR,
AQUELE AMOR DE OUTONO
FOI UMA TÉNUE PAIXÃO
QUE A ÁGUA SOUBE LEVAR.


EM NOITES DE LUA CHEIA,
GRANDES CASTELOS DE AREIA
EM CONJUNTO CONSTRUÍMOS,
PORÉM, COM O FIM DO OUTONO
DESVANECEU-SE A ILUSÃO,
RUMOS OPOSTOS SEGUIMOS.


UM P´RO NORTE, OUTRO P'RO SUL,
ESQUECEMOS O MAR, AZUL,
DISSEMOS ADEUS ÀS FÉRIAS,
VOLTAMOS A TRABALHAR
E QUEM SABE SE A ARRANJAR
OUTRAS PAIXÕES, BEM MAIS SÉRIAS.


FOTOS & POEMA : FERNANDINHA

FERNANANDA55.BOGSPOT.COM





Posted by Picasa

37 comentários:

Anjo azul disse...

Minha Poeta linda!
Parabéns! É magnifica maneira como escreves. A maneira como fazes o coração se expressar e tocar os que corações que te lêm...
Adorei!!!!

Abraço com muito carinho

AnjoAzul

Manuel disse...

Sem palavras cara poetisa.

José Rasquinho disse...

Um lindo amor de outono, e duas lindas fotos,que no embalo de uma suave melodia, nos transportam a recordações longínquas.
Muito amiga!
Bjinho.

Fernanda disse...

Querida Fernandinha,

Pelo menos houve amor...
"Só quem não curtir uma paixão é que não terá nunca nada , não!"

Valeu enquanto durou, foi bom, fica a lembrança.

Beijinhos

Na casa do Rau

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Pouco importa a competição, o importante é fazer a sua parte, e a sua parte é lindíssima. Pra mim, a Fernandinha é sempre o Campeão do Amor!
Beijosssssss, querida!

*********
Hoje roubei todas as rosas dos jardins
e cheguei ao pé de ti de mãos vazias.

Eugénio de Andrade, Poema para o meu amor doente (in As mãos e os frutos, 1948)*

Muito obrigada.
Até mais.
Renata

Vivian disse...

...aqui sempre encantos
de imagens e palavras!

adoro...

beijos e beijos pra você,
minha doce poeta!

Jacque disse...

Oi Fernanda. Bom Fim de Semana. Muito Lindo POema e fotos maravilhosas.

Beijo

LOURO disse...

Olá Fernandinha!

Bela postagem... O poema é lindo!!!
Estás como o vinho do Porto,quanto
mais escreves,melhores são os poemas...E este está sublime!!!
Parabéns!!!

Bom fim de semana,
beijinhos de carinho e amizade,
Lourenço

Tatiana disse...

Oi Fernanda!
Obrigada Amiga por participar da Coletiva e trazer para o nosso encanto um algo tão emocionante como o que acabei de ler.
Que o amor vivifique em novas e belas estações!

Beijos carinhosos

José disse...

Olá Fernandinha,
O seu poema está lindo, e o amor de Outono porque não, há amores da Primavera, amores de Verão, amores de Inverno, e de Outono,"depois de terminar as férias, arranjar outras paixões mais sérias",

Eu estou participando, mas ainda não sei bem como é que é, nem fiz referencia nenhuma.

um beijinho, e boa sorte,
José

Pelos caminhos da vida. disse...

Que delicia estar nessa blogagem com vc amiga, é a minha primeira participação, cá entre nós, tinha medo de participar mas graças a Deus lá está a postagem, estou amando.

Belissíma participação a sua amiga.

Fim de semana de muita luz, paz, saúde e muito amor.

Um gde abraço.

beijooo.

Chica disse...

Lindo e emocionante teu poema,Fernanda!Ficou maravilhosa tua participação!beijos,chica

RETIRO do ÉDEN disse...

Belo poema...pelo o menos percebe-se que foi aceite com normalidade essa separação...tudo ficou bem resolvido...agora estamos na Primavera...há que recomeçar e ressuscitar um novo amor.
Abraço
Mer

Maria disse...

Novamente o amor e o mar... tão bonito!

Beijos, Fernanda

Sonia Pallone disse...

Oi, aproveitando a interação dessa postagem coletiva sobre o Outono, vim conhecer seu espaço e também te convidar pra ir lá no meu Solidão de Alma... Fiquei feliz de poder abraçar com você essa estação tão linda e poética, cujos sons fecundam o silêncio e enternece os olhares...Beijos&Carinhos

Carmem L Vilanova disse...

Lindo, lindo, lindo!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

Everson Russo disse...

Um beijo carinhoso de otimo final de semana pra ti amiga...

Montani II disse...

Tenha um bom fim de semana, querida, bjs

Existe algo misterioso
no silêncio de seu olhar
que talvez nunca revele
pois, a mente feminina
é um perigoso enigma
que em vão, os homens
pretendem desvendar.
Mas, para quê conhecer
esse hermético segredo?
Se nosso grande objetivo
sempre por nós perseguido
é encontrar a felicidade
realizar nossos desejos.
Então, não faz sentido
compreender essa paixão!
O que interessa é o milagre
que dá sentido nessa religião.
Ao matar a sede dos corpos
em seu ato misericordioso
vai aos poucos libertando
seus devotos sequiosos
de um enorme desprazer
e, mesmo sem entendê-las
estamos libertos e felizes
duma existência triste e vazia
sem o amor de uma mulher!

Valter Montani

Daniel Costa disse...

Fernandinha

Amores de Outono, ardores que adormecem com as marés vivas. Vão até que cheguem os do próximo verão, levam mais tempo a apagar os virão para ficar.
Muito bonito o poema, as fotos dos Açores, podem representar outro.
Beijos
Daniel

•.¸¸.•*♥*•.¸¸.• Sanzinha •.¸¸.•*♥*•.¸¸.• disse...

Cheio de sensibilidade o seu poema, Fernanda. Parabéns, gostei muito!

Beijo grande e muito obrigada por participar com a gente!

Wilson disse...

Olá, Fernanda..

Prazer imenso conhecer seu espaço.

Te agradeço pela sua participação na blogagem coletiva.

Um abraço carinhoso, bom fim de semana, um outono cheio de muitas energias positivas.

Beijão!

Maria disse...

Lindo poema amiga, tenha um excelente fim de semana
bjs
Maria

Olavo disse...

Lindo..amor que vai com as ondas do mar..
Parabens.
beijos

Belle disse...

Amor de verdade não some com as folhas caídas de um outono!!!
Bjossssss

ney disse...

Linda imagem e poesia. Abraço /ney.

Majoli disse...

Olá Fernanda, estou visitando a todos que estão a participar da blogagem coletiva, e chegando aqui fiquei emocionada com seu outono...poetizas de forma ímpar, parabéns, amei.

Beijos com carinho.

Marlene Maravilha disse...

Adorei tua visita minha linda amiga!
E vir aqui é sair gratificada com tantas fotos lindas e palavras da alma!
Excelente final de semana e beijos!!!

Dulce disse...

Ah, Fernandinha, os amores de outono, ou de verão, tão passageiros, tão bonitos!
Vem e vão com a estação... Doloridos são os que chegam no outono da vida, com sabor de último sonho... Doloridos, sim, mas tão lindos!...
Beijos e bom final de semana para você.

manzas disse...

Olá amiga fernanda!

Aproveitando a interacção de amigos
Nesta postagem colectiva, para visitar este espaço
Para deixar um abraço
E que, de cada Outono,
Sucedam sempre lindas Primaveras!

Brilhante postagem!

Um bom fim-de-semana
Com um (e)terno abraço na alma!

- Moisés Correia -

Everson Russo disse...

Um lindo sabado pra ti amiga,,,beijos de carinho e amizade.

angela disse...

Gracioso poema de outono de um amor que se foi sem muita dor.
beijos

Mari Amorim disse...

Olá!!!,
Linda participação,desculpe-me.só pude vir hoje,o que mais gosto nesta interação,são as poesias belíssimas,em forma de estação.
http:/sempretensoesamorcontos&causos.blogspot.com/
Boas energias
Mari

Deia disse...

Fernanda, que lindo poema! Senti esse amor fugidio ao ler suas doces palavras! Um beijo, parabéns pela blogagem coletiva! Deia

Anónimo disse...

uau!ate chorei!voce me deu muita inspiraçao!otimo poema!

serpai disse...

Olá Fernandinha!

Parabéns!

Versos de rara beleza a uma estação cujas cores parecem saidas das mãos de um Artista... e realmente são..., do melhor Artista.

As fotos são lindas... cada vez mais a curiosidade me invade para conhecer esse país maravilhoso..., até agora só conheço por fotos...

Oxalá a minha participação e o meu blog te agradem tanto como me encantou passar por este espaço à beira-mar plantado...

Sergio (Argentina).

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Fernanda,

Que delícia de amor outonal, esse seu...
É o típico amor que não sobe serra, como dizem por aqui... Amor de férias.

Beijos e Feliz Dia das Mães, prá você...

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Fernanda,

Eu só estou sabendo agora dessa sua cirurgia cardíaca. Desejo que esteja bem e que não se esqueça de que os seus amigos estão aqui, como eu, para lhe dar a força que precisar...

Beijos e um Domingo Especial, pelo Dia das Mães, a você...