terça-feira, novembro 04, 2008

EXALTAÇÃO !...


Fotos da Ilha Terceira-Açores

O tempo vai rolando como esfera
deixando bem marcada a solidão !...
O sol, não sendo mais que uma quimera
Não chega p'ra aquecer o coração !

São jovens que saltitam à espera...
Vivendo com a vida em ilusão !
São velhos que recordam outra era
saudosos de desejo e de paixão !

Com dias de Outono inda a brilhar
com forças continuo a recordar
lá longe, muito longe, os teus segredos...

Apesar de perdidos nos espaços,
em sonhos os embalo nos meus braços
e tento agarrá-los nos meus dedos !...

Fernanda Costa

Lisboa, 4 de Novembro de 2008
Posted by Picasa

53 comentários:

Espaço do João disse...

Querida amiga.
O cartaxinho a que me refiro na postagem não é o Cartaxo povoação. É um pássaro que por estes lados existe e que se deixa aproximar com facilidade.

Belo poemas e, as ilhas dos Açores bem merecem. dizem que não estão desenvolvidas como a Madeira. Não é verdade o seu desenvolvimento não se fêz á volta do betão. conseguio-se fazer desenvolvimento mas perservando as belezas naturais. Não é por acaso que estão no ranking Internacional em trceiro lugar, onde a Madeira se situa em 69º. O Carlos César não é tão desbocado como o palhaço do AJJ. Deixemos a política . Coontinuação duma bela semana João

Luiz Caio disse...

Oi Fernandinha querida! Como vai?
Sua poesia continua apaixonada, e bela... E você, cada vez mais querida por mim!

TENHA UMA ÒTIMA SEMANA!
BEIJOS.

Essência Pura disse...

Sempre sensível suas palavras...
Gostei!

Fica em paz

Miriam

Bandys disse...

Fernandinha
Fico encantada com suas fotos e com seus escritos, maravilha!!!

Obrigada pelas suas palavras, fico feliz.

beijjos

elvira carvalho disse...

Gostei do poema, saudoso e melancólico como o próprio Outono.
E as fotos lindas como sempre.
Um abraço e um resto de boa semana

Maria disse...

Hoje não tenho palavras...
Deixo-te um abraço apertado...

Agulheta disse...

Fernanda. Como sempre as palavras escritas em sintonia com a linda terra que é os Açores como aqui demonstra.
Beijinho terno e de amizade

Agulheta disse...

Fernanda. Como sempre as palavras escritas em sintonia com a linda terra que é os Açores como aqui demonstra.
Beijinho terno e de amizade

Nilson Barcelli disse...

És notável nos sonetos.
Gostava de os ouvir cantados, pois são musicáveis.
Já pensaste nisso? Acho que devias mandar alguns poemas para quem te agradasse ouvi-los cantados.
Beijinhos.

Eduardo Aleixo disse...

Mais um poema lindo. Cheio de ternura e de saudades de...
...
Gosto dos teus sonetos. Da tua doçura e sensibilidade.
Obrigado pela tua visita. Retribuo com a amizade de sempre.

Bjs.

EA

xistosa - (josé torres) disse...

Um poema aos sonhos, para aqueles que estão no nascente e também, maravilhoso para os que se encontram no poente.

As fases da vida.
Mas apesar de:
"O sol, não sendo mais que uma quimera
Não chega p'ra aquecer o coração !",
temos que reagir e aquecê-lo nós ...

Jardineiro de Plantão disse...

Encantado com as fotos e com o texto do poema num misto de ternura e saudade.

Abraço

gaivota disse...

oh minha princesa, venho a chegar da nazaré neste dia invernoso, o mar estava igual a este de s.miguel... era um lago! já foi tempo em que o inverno "batia" aquele mar...
o teu poema está ... lindo, simplesmente! sentido!
beijinhos

Gerlane disse...

Agarrar segredos...Coisas de poeta genial, como tu és!

Lindas imagens, como sempre!

Beijinhos!

LUZIMAR disse...

Olá querida amiga, Linda poesia e imagens dos Deuses.
Sempre maravilhoso seu cantinho.

Desculpe-me a demora em vir vê-la, mas foi o tumulto dos últimos dias.


Beijos

LUZIMAR disse...

Há... some não querida gosto muiiiiiiito de você.

Beijos grandes.

Ana Maria disse...

São jovens saltitantes e esperançosos.
Belo poema!
Obrigada pela sua visita e pela amizade.
Beijinhos!

A. Jorge disse...

Lindo, este soneto que nos dás!

Um beijo

Jorge

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo poema Fernanda!

Bom dia.

beijooo.

Jorge P.G disse...

Mais um bonito soneto da Fernandinha!

Beijinhaços.
Jorge Sineiro

Véu de Maya disse...

Querida amiga!

é com muito prazer que leio os teus poemas sempre muito ternos
e profundamente poéticos...Neste aprecio a beleza das lembranças e a seiva do rio que corre nas tuas palavras...

Olhos de mel disse...

Oie Fernandinha! Lindo soneto! a foto perfeita!
Sonhe mnha amga! Isso é impotante pra nos fazer encarar os percalços da vida!
Como sempre, blos versos!
Beijos

paula barros disse...

Sonhar em qualquer tempo ou idade. Sonhos vão outros vem, e a vida se embala.

abraços

C Valente disse...

Cada vez que por aqui passo e vejo estas belas fotos, mais vontade tenho de conhecer os Açores
Saudações amigas

Ana Maria disse...

Tenha sono tranquilo e sonhos maravilhosos.
Beijinhos!

Gilbamar disse...

Fernandinha seu soneto é de uma beleza rara, de um encanto fascinante. As fotos enchem nossos olhos e alegram o coração.

Abraços de grande amizade.

EternaApaixonada disse...

*****

Fernandinha querida,
mais um post encantador!
Poesia da alma!
Imagens que nos levam à magia dos lugares...
Adoro tudo aqui!
Beijos e ótima quinta!

*****

LOURO disse...

Olá querida amiga, fico encantado com as tuas fotos, as quais me dão uma vontade louca da visitar as tuas queridas Ilhas,
O tempo vai rolando como esfera
deixando bem marcada a solidão!...
O sol,não sendo mais que uma quimera.
Não chega p´ra aquecer o coração!

simplesmente belo.Adorei...
Beijinhos de carinho
Lourenço

Pelos caminhos da vida. disse...

Voltei pois esse post seu ficou tão lindo que voltei a visita-la e cmentar.

Exaltemos tudo o que é belo nessa vida.

beijooo.

Chiz disse...

Bom dia, Fernanda.
Seríamos todos ilhéus?
As fotos, sugestivas e convidativas, levam-nos no barco de doces redordações, mais que meras (quimeras?) suposições...
É bom vir aqui.
Um abraço.

Paulo disse...

Lindas fotos, excelente poema

rosa dourada/ondina azul disse...

Como sempre,
deixo-me embalar
nos teus poemas :)))

Vou conhecendo as Ilhas,
através das tuas fotos !

beijinho p ti,

poetaeusou . . . disse...

*
o outono
nos teus braços,
,
jino,
,
*

SILÊNCIO CULPADO disse...

Fernanda
São belos e apaixonados os teus sonetos. Mantens neles a esperança, a ternura e uma capacidade de amar infinita.
Bem hajas por estes momentos de beleza e sentimento.

Beijos

Pelos caminhos da vida. disse...

Post especial pra vc lá.

beijooo

© efeneto disse...

Quando as palavras
secam na garganta
no momento exacto de as dizer
parecem rochas encrostadas na terra
impossíveis de as moldar.
Fico na impotente ansiedade
como náufrago, sem gritar.
Sei como são cruéis
e tiranas as palavras
que se recusam a pronunciar-se
naquele exacto momento
em que mais são precisas.
Quando me acontece contigo
substituo-as pelo olhar
e as mãos dizem o resto.

Voltei. O Grito do Poeta calou-se. Pode ser que ressuscite. Até lá convido a apanharem umas Migalhas de Poesia. Fica a promessa que voltarei para vos ler e apreciar com a atenção que merecem. Afinal os amigos souberam esperar. Até já…

Luis F disse...

Querida amiga

Palavras e fotos belissimas...

Estás de parabéns... viagei em tão belo quadro.

Bjs
Luis

C Valente disse...

BOm fim de semana com as saudações amigas e um beijo

EternaApaixonada disse...

*****

Um mimo para esta noite:

O AMOR

É difícil para os indecisos.
É assustador para os medrosos.
Avassalador para os apaixonados!
Mas, os vencedores no amor
são os fortes.
Os que sabem o que querem
e querem o que têm!
Sonhar um sonho a dois,
e nunca desistir da busca de ser feliz,
é para poucos!!!

© Cecília Meireles

Tenha uma linda noite! Doces sonhos!
Beijos

Helô

*****

Bill Stein Husenbar disse...

Puramente fantástico.

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

Bandys disse...

|Fernandinha

vim te dar um beijo de bom fds

Príncipe Tito disse...

Lindas fotos...Obrigado pela visita !!! Estou contente de ter uma nova blogamiga. Adicionei seu link no meu blog.

Oliver Pickwick disse...

Gosto de todos os tipos de poesia, das mais vanguardistas às mais acadêmicas. Mas, como disse antes, Fernandinha, tenho especial predileção por sonetos bonitos e singelos - na melhor acepção desta palavra -, como este.
Um beijo!

Flamenguista Roxo disse...

FERNANDA, lindo o seu poema.
Escreva um livro jovem tens talento. Você irá atingir um público mais carente e passar adiante essas mensagens lindas '" O AMOR"" coisa rara neste mundo
Eu sempre acerto nas coisas...
Um bom final de semana e a paz de cristo e o amor de maria.
Grande psicóloga virtual das boas,
beijos,

Betho disse...

Querida Fernanda, que belo poema...As fotos são lindas, conheço Açores e toda Portugal é linda...eijos

elvira carvalho disse...

Passei. Revi as lindas fotos e reli o poema.
Deixo um abraço e votos de bopm fim de semana

Pico minha ilha disse...

Beijinhos e bom fim de semana.S.A

Wilson Rezende disse...

Lindo poema Fernandinha, e olha um ótimo final de semana viu, um grande beijo.

Wilson Rezende disse...

Lindo poema Fernandinha, e olha um ótimo final de semana viu, um grande beijo.

Menina do Rio disse...

Fico maravilhada vendo estas imagens!!
Nanda, deixo-te um beijinho e votos de um ótimo domingo, querida

Mello disse...

Lindo poema e belas fotos, amiga!

Fica bem, bom fim de semana.

Beijinhos,

Graça Mello

Vilminha disse...

OLá Fernanda moras em uma Terra maravilhosa de lindas paisagens, que fotos maravilhosas. As poesias suas também todas belas qual as imagens. Beijos e um ótimo final de semana.

Paula Raposo disse...

Gosto dos teus poemas!! Beijos.