sábado, maio 24, 2008

AS PARTÍCULAS DE AMOR!...

Curvei-me e levantei os seixos, do leito seco do rio,
que me olhavam com calor mas, estremeciam de frio.

Atirei-os para o longe, para o coração da folhagem,
que engrandecia a areia e coloria a paisagem.

Mas as folhas já pendentes,de uma árvore secular,
acolheram, no seu seio, os seixos que vinham no ar.

Debruçaram-se sobre o leito e deitaram sobre a areia,
os seixos do rio seco, como seios de sereia.

Vendo tão nobre carinho por parte da natureza,
ergui-os nas mãos de mansinho, torneei-os de pureza.

Embalei os seixos tristes e numa caixinha os guardei,
como pedras preciosas, da coroa de algum rei...

Pressenti um núcleo de ouro, tentando deles brotar,
fiz, das partículas de amor, um longo e belo colar.

Senti seu frio queimar, ao toque, meu jovem peito,
com carinho, gratidão e veemente respeito.

Os seixos secos do rio, já não são frios de amor,
são seios de casta sereia, na mente de um sonhador!...

Fernanda,
Lisboa, 24 de maio de 2008

66 comentários:

gaivota disse...

querida fernandinha, que poema tão bonito, onde embalas os seixos, como se feitos de amor...
o rio pode ter secado, mas esses seixos estão cheios de vida!
lindo!
beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
os seixos do rio seco, como seios de sereia.
,
uma diferente fernanda,
,
gostei muito,
,
conchinhas douradas, deixo,
,
*

EDUARDO disse...

"Embalei os seixos tristes e numa caixinha os guardei,
como pedras preciosas, da coroa de algum rei"

linda Fernandinha, és de adorar!!


PARADOXOS

tempoparaamar disse...

Na mente de um sonhador tudo sem vida ou seco,terá sempre vida.Beijinhos de carinho.Salomé

ஜॐ♥ஜ_Estrelinha_ஜॐ♥ஜ disse...

(`'•.¸(`'•.¸ ¸.•'´) ¸.•'´)¸.•'´) «`'•.¸¤ .¸.•'´»(¸.•` (¸.•` (¸.•'´(¸.•'´ `'•.¸)`' •.¸)

( `•.¸................."Ama a vida como ela é: `•.¸ ).................Com seus dias nublados ( `•.¸..........................e outros de sol, `•.¸ ).................Com suas lágrimas ( `•.¸..........................e seus sorrisos, `•.¸ ).................Com seus contratempos, ( `•.¸.........................e suas vitórias!" (`'•.¸(`'•.¸ ¸.•'´) ¸.•'´)¸.•'´) «`'•.¸¤ .¸.•'´»(¸.•` (¸.•` (¸.•'´(¸.•'´ `'•.¸)`' •.¸)
(`'•.¸(`'•.¸ ¸.•'´) ¸.•'´)¸.•'´) «`'•.¸¤ .¸.•'´»(¸.•` (¸.•` (¸.•'´(¸.•'´ `'•.¸)`' •.¸)

( `•.¸................."Bom fim de Semana".................`•.¸ )

(`'•.¸(`'•.¸ ¸.•'´) ¸.•'´)¸.•'´) «`'•.¸¤ .¸.•'´»(¸.•` (¸.•` (¸.•'´(¸.•'´ `'•.¸)`' •.¸)

( `•.¸................."Beijinho terno e doce".................`•.¸ )

(`'•.¸(`'•.¸ ¸.•'´) ¸.•'´)¸.•'´) «`'•.¸¤ .¸.•'´»(¸.•` (¸.•` (¸.•'´(¸.•'´ `'•.¸)`' •.¸)

( `•.¸................."Estrelinha".................`•.¸ )

Menina do Rio disse...

Belo poema em que o amor sempre aquece a alma...

Um beijinho pra ti Nanda
tem um ótimo final de semana

Pena disse...

Linda e Doce Amiga:
Os seixos secos do rio transpiram de encanto e de beleza.
Pura. Linda. Magnífica.
Faz bem em os guardar.
Um verdadeiro encanto como o amor que contêm. Brilhante poema de amor nas partículas deste doce sentimento.
Parabéns, adorei!
Beijinhos de amizade.
Sempre a estimá-la e a respeitá-la

pena

Iana disse...

A felicidade não depende de
grandes alegrias, mas da
variedade de muitos e pequenos
momentos felizes que
colhemos ao longo da vida."

Amiga obrigada por estar sempre presente em meu cantinho embora eu esteja afastadinha um pouco dele, mas sempre trago o aroma de todas as rosas que lá passam, como você e seu perfume...

Beijos mil
Iana!!!

Ana Maria disse...

Brilhante poema.
Adorei. Um bom final de semana.
Meus beijos carinhosos!
Ana Maria

adrianeites disse...

com muito sentimento nas entrelinhas.. certamente!

bjs bfsemana

Espaço do João disse...

Fernandinha.
Belo poema. Lembrei-me de Àfrica e dos garimpeiros. Não sei fazer poesia, no entanto aqui vai uma quadra mal elaborada.

Peguei na bateia e, sacudi
todas as pedras num instante.
Depois de as lavar fugi
apareceu-me um dimante.

xistosa disse...

Quem diria que a natureza nos volteia nas nossas acções e pensamentos.
Não eram só seixos, eram grãos de vida, quentes ou frios, dignos dum rei.

Direi duma rainha, que transforma seixos num colar de amor.

A qualidade de sempre que me fascina.
Um bom fim de semana.

Olhos de mel disse...

Oie Fernandinha! Fiquei encantada com seu doce e lindo poema! Sensibilidade pura! Maravilhoso!
Bom domingo! Beijos

Carminda Pinho disse...

Fernanda,
o amor tem também destas particularidades...

Beijos

tempoparaamar disse...

Amiga Fernanda já passei por suas fotos.Ai as rosquilhas.Beijinho de carinho

elvira carvalho disse...

Um dos poemas que mais gostei desde que venho ao seu cantinho. Muito bonito. Parabéns.
Um abraço e bom Domngo

Mário Margaride disse...

Querida Fernandinha

Lindíssimo poema!

Um bailado magnífico, envolto num terno cheiro a maresia e amor...

Um bom domingo

Beijinho doce...

Mário

Dias disse...

Tu, neste teu escrever de Fada Madrinha, encontras soluções interessantissimas, e consegues manter um ritmo silabico bastante agradavel, parece-me que estes teus Poemas têm imensa qualidade, parabéns.

Beijo inguinuranti

Maria disse...

A árvore que és guardará os seixos vindos do ar.....

Beijinhos, Fernanda

luar perdido disse...

tão belo Fernandinha!Tão tocante tão doce.Tanto amor, tanta ternura. Um rio seco pleno de pedras vivas, um dia delas brotará de novo a água pura que fará transbordar o leito árido.

Beijo imenso em ti.

LOURO disse...

Querida Fernandinha,fiquei encantado com o teu poema.

Os seixos secos do rio,já não são frios de amor
são seios de casta sereia,na mente
de um sonhador.

gostei muito

beijinhos de amizade e carinho

Lourenço

Templo do Giraldo disse...

Ca estamos de novo
Depois de terminada a queima das fitas, e aquelas noites bem passadas, e bem regadas, estamos de regresso ao mundo activo do blogger.

Deparei que continuas aqui com o teu "sitio" bem movimentado como ja nos habituas-te.
Em breve voltarei com mais vagar para saber o que aqui se tem passado.

Um abraço.

Iana disse...

" Feliz daquele que tem
 o caminho enfeitado com flores   
  Mas, mais feliz ainda é aquele que     
 Sabe como e onde plantar as flores."
Uma Semana De PAZ...

beijos beijos...
Iana!!!

Paulo disse...

Lindo poema, cheio de tanto

DelfimPeixoto disse...

Gostei... !

Ju disse...

áh sentimentos que a gente embala com veludo e guarda na caixinha de música... lindos versos!
beijos

Guida Linhares disse...

Minha linda poetisa do amor...teus versos são lirismo e pureza, encantam os olhos e nos fazem ver apenas beleza...uma semana muito amorosa e feliz..beijos carinhosos, guida

Pena disse...

Linda Amiga:
Vim retribuir o carinho, quer seja nas partículas do tempo ou nas partículas sem tempo, de grande amabilidade e beleza expressas no meu catinho.
Uma Excelente semana com tudo de magnífico.
Beijinhos de amizade pura.

pena

MUITO OBRIGADO!

paula disse...

Deixo-te um beijo carinhoso .
Como sempre , linda poesia , plena de encantamento ...
Paula

Vieira Calado disse...

Aqui está uma formosa composição poética, amiga!
Bjs

O Guardião disse...

Poesia em torno de uns seixos...
Belo
Cumps

paula barros disse...

Fernanda obrigada pela visita.
Muito bonito o seu blog. Visitei o de reflexões também.
Voltarei
A poesia está linda, falou do amor com tanta delicadeza.
abraços

C Valente disse...

Os seixos dos rios como pedras preciosas
Amigas estou bem, não quanto desejava, fui de férias e ao regressar apanhei gripe, e por isso sem paciência
Saudações amigas

efvilha disse...

Sabes do que senti vontade?

De fazer esta travessia do oceano, e vir aqui te dar um abraço amigo.
Depois, olhar-te nos olhos e te dar um beijo carregado de muita Paz.

Fique bem.

mundo azul disse...

Bonito! Muito bonito o seu poema...
Beijos de carinho e muita luz!

Berta Helena disse...

Embalar os seixos. Que bonito.

Beijinhos, Fernandinha.

Zé Povinho disse...

Um colar de partículas de amor...
Com tão belos adornos saímos daqui muito mais quentinhos.
Abraço do Zé

tulipa disse...

Hoje vim encontrar-me contigo, aqui neste teu belo jardim de sonhos.

Passo em silêncio para deixar um abraço.

O Árabe disse...

Belo, Fernanda! Oxalá pudéssemos sempre embalar assim os seixos que a vida nos apresenta...

Alexandre disse...

Partículas de amor, que maneira mais bonita de chamar ao sentimento mais transcendente que há!

Muitos parabéns, Fernanda, o ritmo e a música do poema estão fantásticos, como sempre!!!

Muitos beijinhos!!!

António Inglês disse...

Fernandinha

Por momentos transportei-me para o Rio em Cabanas na minha terra onde apanhava os seixos nas partes secas do rio, desse rio tão lindo que descia da serra e embora o viesse descendo parecia que a ia subindo.
Assim dizia Pedro Homem de Melo.
Desejo-te a continuação de uma semana excelente.
Desculpa não andar mais vezes por aqui agora, mas há razões que a razão desconhece.
Um beijinho
António

gaivota disse...

olá minha amiga,
continuamos no inverno, não é???
um bocadinho de calor já fazia bem!
beijinhosssssssssssss

Iana disse...

“ Cada amigo novo que ganhamos
na vida, nos aperfeiçoa e enriquece,
não pelo que nos dá, mas pelo quanto
descobrimos de nós mesmos.
Ser amigo não é coisa de um dia....
são gestos, palavras, sentimentos
que se solidificam no tempo e
não apaga jamais.“

beijos amiga linda
Iana!!!

jasmimdomeuquintal disse...

como sempre a poesia é encantadora...

Agulheta disse...

Fernandinha.
Lindo poema,pois a felicidade pode ter grande magia, embalar corações e de pequenos seixos edeo rio seco,brotar água cristalina de um simples olhar.
beijinho Lisa

LUZIMAR disse...

Olá querida amiga...

Muito tempo mesmo estivemos sumidas, mas que bom que agora nos encontramos de novo.

Espero estar sempre nesse cantinho de amor e felicidade, sabes que amo suas poesias.

Beijos

paula disse...

Obrigada pelas tuas palavras, sempre doces, serenas e amigas . Amo muito sim, e sou amada em igual medida . Também sofro , mas nunca sozinha . Não é uma história vulgar , simples , leve . É uma Amor que nos surpreendeu , que nos arrebatou e do qual foi impossivel fugir .
Nunca pensei estar neste lugar . Ele também não . Mas nenhum de nós sabia a dimensão de um grande e profundo Amor .
Mais uma vez , agradeço o teu carinho .
Beijos ,
Paula

EDUARDO disse...

e fica mais um beijinho...


paradoxos

Nilson Barcelli disse...

Gostei imenso deste teu poema.
É muito bonito.

Beijinhos.

Oliver Pickwick disse...

Previa o surgimento de uma sereia a qualquer instante do poema, Fernandinha. Continuo fã dos seus versos delicadamente "aquáticos". ;)
Um beijo!

Amaral disse...

As pedras preciosas guardam-se com o carinho que foi colocado neste poema...

Obrigado, amigos todos, pelas palavras que me deixaram naquela centena de visitas.
Bem-hajam! Vamos dar as mãos... e sorrir à Vida!

Menina do Rio disse...

Querida, passo pra te reler, agradecer tuas palavras lá no Bocados e deixar um beijo imenso de Bom final de semana
Fica bem

SILÊNCIO CULPADO disse...

Fernanda
Um momento mágico e romântico próprio de quem poetisa com o amor total pelas pessoas e pela natureza.

Simplesmente delicioso.

Beijinhos

Nuno de Sousa disse...

Belo texto Fernanda, e nada como amor nas tuas palavras. Mto belo. Gostei.
Em breve gostava de ter um texto teu numa das minhas fotos, espero q aceites este meu desafio :-), pois era uma honra para mim ter ali algo teu.
Bjs amiga,
Nuno

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

É lindo o que vc escrveu. DEixei de ter vergonha e estou public ando meus poemas no blog. Vá la hj e procure por "Esperando a noite chegar" e "Penélope". Além disso, postei sobre o filme Across the Universe.
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

C Valente disse...

Obrigado pelos seus cuidados, já estou melhor,
Quanto ao poema é o que se espera da amiga, coisa boa
Saudações amigas com um beijo

Betty Branco Martins disse...

querida_______Fernandinha






as tuas palavras



______poema traduzido______




é de ____uma



beleza extraordinaria



belo.muito.belo









beijiO____C_____carinhO

Betty Branco Martins disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dalinha Catunda disse...

Fernanda,
Fazendo comentarios aqui e ali, acabava esbarrando em você.
Hoje resolvi fazer as vontades de minha curiosidade,abri sua janela e fiquei encantada com sua sensibilidade ao escrever, parabéns,seus poemas são mui belo.
Um abraço,
Dalinha Catunda

Mário Margaride disse...

Querida amiga,

Passo por aqui, para reler este belo poema, desejar-te um excelente fim de semana, e dar-te um beijinho muito grande!

Mário

Manuela disse...

Que poema tão lindo amiga Fernadinha quase que dá para dançar.

Beijinhos e bom fim de semana

Com carinho

Manuela

C Valente disse...

Bom fim de semana
Saudações amigas

Suave Toque disse...

"Fica proibido não sorrir ante os problemas, não lutar pelo que queres, abandonar tudo por medo, não converter em realidade teus sonhos.
Fica proibido não buscar tua felicidade, não viver tua vida com uma atitude positiva, não pensar que podemos ser melhores, não pensar que sem ti este mundo não seria igual." (Pablo Neruda)

Só passei pra manifestar meu carinho e, através deste trecho de mensagem, saberes que te desejo nada menos que o melhor da vida, e um feliz final de semana.

Beijos

Suave Toque

elvira carvalho disse...

Passei por aqui. Deixo um abraço e votos de bom fim de semana

Lyra disse...

Espaços que se cruzam,
palavras que se encaixam,
sorrisos imaginários que se entrelaçam,
confidências que se armazenam.
Assim nascem as amizades virtuais...

Obrigada pela tua!

Adoro ler tudo o que escreves!

Beijinhos e até breve.

;O)

Jorge P.G disse...

ESTE É MESMO MUITO BONITO, FERNANDINHA!

UM ABRAÇO.
Jorge P.G.