terça-feira, agosto 11, 2009

!... VIVER SÓS ACOMPANHADOS...!




FOTOS DAS MARAVILHOSAS ILHAS AÇOREANAS


Por vezes, estar só aqui e além...
Não é, de modo algum, a solidão.
Mas precisar falar sem ter a quem
é mágoa mais terrível que a prisão.

Há vozes que se calam com desdém
e olhos que fustigam a paixão.
Mas é dor não podermos ter alguém
que reparta connosco a emoção!

Procurem o amor, desventurados!
não queiram viver sós acompanhados!
Nem tudo o que acontece se prevê!...

É preciso saber abrir os braços,
agarrar o amor pelos espaços...
Quem sabe... Ronda perto e não se vê!

SONETO & FOTOS

FERNANDA COSTA

!...DEDICO ESTE SONETO AO HOMEM, QUE SOUBE PLANTAR O AMOR NO MEU CORAÇÃO...!

LISBOA, 11 DE AGOSTO DE 2009
Posted by Picasa

73 comentários:

Ilaine disse...

Querida Fernanda!

Ah, mas que fotos lindas!
E o poema, então? Bonito demais! Que homenagem especial você faz ao amor de sua vida, Fernanda. Sim, abrir os braços para receber o amor, pois ele pode estar tão pertinho de nós.

Beijo, poetisa

FOTOS-SUSY disse...

QUERIDA MAE,LINDAS FOTOS,BELISSIMO POEMA,SUBLIME PALAVRAS COM MUITO SENTIMENTO...
TE ADORO MAE QUERIDA!!!
BEIJINHOS...
SUSY

Angela Guedes disse...

Oi Fernanda!!!
Ontem me deitei e tentei dormir, mas o sono infelizmente não vinha.
Para tentar relaxar pensei em me concentrar numa bela paisagem, mas não conseguia visualizar nenhuma.
Hoje quando vi estas fotos pensei era elas, que eu queria.
Linda imagens, vou guardar na memória para quando ficar sem sono outra vez.
Adorei o soneto.
Beijinhos, amiga.
Ângela

Nilson Barcelli disse...

Há muita gente a viver sozinha, apesar de acompanhada.
Gostei do teu soneto e das fotos. Tudo magnífico.
Beijo querida amiga.

Branca disse...

Pessoas assim, que vivem sós mesmo junto a alguém acabam ficando amargas...
Lindos minha amiga, soneto e fotos...bjinho.

HSLO disse...

Quero conhecer esse lugar...bom pra meditar sobre a vida.

Lindo post, viu.

abraços

Hugo

Jorge Monteiro disse...

Olá Fernandinha
Que belas fotos... e que belo poema...
Beijinhos

Céu Vieira disse...

Olá querida Fernandinha...mas que maravilhoso poema....aaaahhhhh, o amor é a coisa mais bonita e sublime que temos!...Parabéns pelo poema, pelas lindissimas fotos e pela sua filhota, que deve ser um amor de filha, a vêr da maneira como a trata!... A Fernandinha merece, que também é um amor de pessoa, é daquelas pessoas que não é preciso conhecer pessoalmente para se amar...!
Beijinhos para as duas queridas.

Alvaro Oliveira disse...

Olá Fernandinha

Lindissimo soneto, bem sentido, bem escrito.
É uma realidade este soneto.
Precisar de falar e não ter a quem,
não ter quem possa partilhar nossa emoção, é a mais terrível mágoa
que podemos sentir.

Beijinhos

Alvaro

Gui disse...

"Nem tudo o que acontece se prevê".
Pois está aí a grande dificuldade da vida. Se se previsse estariamos todos mais precavidos e nunca deixaraiamos de ver o amor quando ele está bem perto de nós. E quantas vezes nós não damos por ele?
Um beijo Fernandinha. Gostei do teu poema. Como de costume.

Dulce disse...

Fernandinha

Sábias e lindas palavras contidas num poema feito com amor e oferecido com carinho...
Que presente da vida poder abrigar um amor assim no coração...
Bem haja, minha amiga.

Beijinhos
Dulce

Déia Arakaki disse...

Oi Fernanda Querida!!

Um forte abraço para voce!!

Beijao linda

Conceição Duarte disse...

Que maravilha de poema e sobretudo gostei da dedicatória que diz: "Dedico esse poema ao homem que soube conquistar meu corção" Lindo demais!!!
Adoro você também, doce amiga, Fernanda.

Um grande beijo, CON

paula barros disse...

É muito bom ter alguém para compartilhar sentimentos e momentos.

A fotos sempre me fazem voar, saio voando por elas chego a sentir o clima e o bem-estar.

beijo

Erika disse...

Oiee!! Sempre que passo por aqui me surpreendo com tanta beleza!!
Adoro seu blog, tem um selo pra vc no meu, pega lá.

bjo.
=]

Maria Emília disse...

Minha cara amiga,
Eu penso que há sempre alguém com quem falar e repartir as nossas emoções e também alguém a quem escutar.
Um beijinho,
Maria Emília

RETIRO do ÉDEN disse...

Amiga,

Mas que belas palavras de amor, acompanhadas de lindas fotos.

...Experimentar a solidão de quando em quando, se dá mais valor às horas acompanhadas...

"Faça o favor de ser Feliz."

Forte abraço
Mer

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

NOSSA, SEM PALAAVRAS...
VC SABE EMOCIONAR COM PALAVRAS E FOTOS...Q POEMA É ESSE???MENINA, COISA MAIS LINDA DO MUNDO!!!
AH O AMOR...REALMENTE É TRISTE QUERERMOS FALAR E NAO TERMOS A QUEM...E PIOR AINDA É QDO TEMOS ESSE AMOR, MAS ELE ESTÁ LONGE...DÓI AMIGA...
BJSS E ÓTIMA SEMANA,ADOREI SUA FILHA,TALENTOSA IGUAL UMA PESSOA Q CONHEÇO, QM SERÁ????

Menina do Rio disse...

Realmente Fernanda! Muitas vezes precisamos de alguém que nos ouça, tanto quanto precisamos estarmos sós, sem necessariamente sermos sós...

Tem uma linda semana.

beijinhos

O mar me encanta completamente... disse...

Lindo soneto,
as vezes penso que a solidão
é um mal necessário.
Mas viver só em companhia de
outros... Essa é a pior das solidões.
Imagens magnificas, querida.

Beijinho, Fe.

Eduardo Aleixo disse...

O azul tão puro das hortênsias pode ser o perfume dos teus versos. Azul no mar, azul na terra, perfume no teu doce coração. O soneto é perfeito ou não fose feito por tuas mãos perfumadas . Falas da solidão complexa: daquela em que a alma não está completa. Falas do silêncio que se faz quando o azul das hortênsias, do ceu, e do mar, esperam que na brisa chegue o beijo quente do amor.Tu sabes que esse beijo chega sempre. Como sempre chega no mês de Junho o azul forte das hortênsias. Flor linda, como o teu poema. E como quem o fez.

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

Sem amor, eu nada sou!!!

Lindas fotos e texto encantador, Fe!

Beijos e borboleteios!

FOTOS-SUSY disse...

OLA MAE QUERIDA, QUE TENHAS BOA NOITE E SONHES COM OS ANJINHOS...
TE ADORO MAE, BEIJINHOS COM MUITO AMOR!!
SUSY

EDUARDO POISL disse...

Belas fotos com um lindo poema.

De tudo ficaram três coisas...
A certeza de que estamos começando...
A certeza de que é preciso continuar...
A certeza de que podemos ser interrompidos
antes de terminar...
Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma escada...
Do sonho, uma ponte...
Da procura, um encontro!

Fernando Sabino

Hoje passei para deixar um poema para refletir e desejar uma semana linda com muito amor e carinho.
Abraços.

rosa dourada/ondina azul disse...

Que belo poema !
Que bonita dedicatória !
Que quadros maravilhosos,
dos Açores !


Beijo com amizade e carinho,

Everson Russo disse...

Ai essa terrivel dor de nao poder ter alguem pra repartir os momentos, vivo nela, ando sempre com ela...belissimo poema querida...beijos e um dia muito lindo pra ti...

Paula Raposo disse...

Muito bonito, Fernandinha! Ainda mais com uma dedicatória merecida. Ainda não encontrei esse homem para lhe poder dedicar os meus poemas de amor...beijos para ti.

Abstrata disse...

Olá fernandinha!
tua inspiração me deixa leve...
delicia ler-te

beijo

Sol: olhar sobre o horizonte disse...

Há-que ter a ousadia de saber correr riscos para, no final, pudermos dizer: valeu a pena!

Beijinho

Memória de Elefante disse...

Fernanda!
Belo poema, palavras tecidas com muita sabedoria e sensibilidade!
Forte Abraço!!!

O QUATORZE disse...

Olá, Boa tarde
Belas como sempre, tudo graças ao teu olhar especial.
Felizardo ser a quem diriges tão belas palavras carregadas de emoções.
Bjs de amizade
LUIS 14

Princesa disse...

Obrigada pela visita...
A amizade é um tipo de amor

que leva à luz,

à paz, à alegria profunda.

É um tipo de amor

que não decepciona nunca

e que deixa o outro livre.
Um beijo

Desnuda disse...

Querida Fernandinha! Que beleza este soneto! Uma maravilhosa reflexão com um conteúdo tão verdadeiro! E uma dedicatória linda demais. Parabéns! Que este amor seja por ambos regado com muita ternura e delicadeza. As fotos, lindíssimas.


Carinhoso beijo!

ZezinhoMota disse...

Fernanda, amiga.

Que o tempo de férias, quer o sejam ou não! Sejam dias apraziveis de convívio com quem se gosta.

Bjnhs

ZezinhoMota

Vilminha disse...

Que o amor que nasceu em seu coração seja cada vez mais cultivado. Parabéns. E as fotos que maravilhas! Beijos e uma ótima semana

Manuel da Rosalina disse...

Olá, Fernanda!

Belíssimo soneto!

É no meio da multidão
que nos sentimos mais sós
e é em nós que deveremos encontrar
a multidão do conforto.

Tudo de bom para ti!

Já conheci a Susy.

bjs,

MdR/joão

Ana Martins disse...

Lindo demais Fernandinha!
Um soneto que é também um sábio conselho.

Beijinhos,
Ana Martins

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Nanda, suas palavras nesse soneto são mais que signos; advertem!

Mas é uma advertência antes embebida em cálices de amor ao próximo, sem qualquer intimidação.

É advertência doce... que só brotaria mesmo é do manancial de um coração-poet'açoriano igual ao teu, criado entre ilhas de um mar de águas tão límpidas, que guardam silentes os segredos de sua grande história de vida.

Creio haver conseguido alcançar a profundidade e a amplitude de cada um desses versos douradamente lavrados pelas mãos de seu amor; são versos que o seu ignoto homenageado, certamente um homem isento de soberbas, saberá colher-lhes o sentido do que realmente seja o AMOR em sua acepção mais especial... a da verdade confessa e isenta de vaidades!

As derradeiras palavras de seu soneto, Nanda, são placas que peço licença pra reproduzi-las, por força de seu próprio brilho encantador:

“...Procurem o amor, desventurados!
não queiram viver sós acompanhados!
Nem tudo o que acontece se prevê!...

É preciso saber abrir os braços,
agarrar o amor pelos espaços...
Quem sabe... Ronda perto e não se vê!”

Beijos à bela Poeta-Mor açoriana que você é!

Ana Maria disse...

As vezes estamos no meio da multidão e sentimos sozinhos.
Ameeeiiii as fotos, deslumbrantes.
Muitos beijinhos!

O Árabe disse...

Belo soneto, belas fotos... apaixonada dedicatória! :) Boa semana, amiga.

Sonia Schmorantz disse...

De forma muito poética falou de uma realidade muito presente nas relações de hoje..a solidão acompanhada. Amei ler!
beijos

Marta disse...

Como sempre, as fotos são uma maravilha e o poema rico em sentimentos...
Ás vezes, não se sabe em quem devemos confiar, porque não temos a certeza de ser bem compreendidos e somos tão maltratados...
Obrigada pela visita..
Até já
Beijos e abraços
Marta

Sandra disse...

VENHO RAPIDINH0 AGRADEÇER AS VISITAS.
SEI QUE NÃO POSSO FICAR MUITO TEMPO...MAS,... TUDO SE DÁ UM JEITINHO.
COM MUITO CARINHO
SANDRA.
AMO VOCÊ.
COMO É BOM RECEBER VOCÊ EM MEU BLOG.
COM MUITO CARINHO
SANDRA

Everson Russo disse...

Trazendo pra ti querida, um beijo carinhoso pra desejar um dia maravilhoso....

Tereza Freire disse...

Oi Nanda! Quando se planta o amor, quando brota sentimento verdadeiro, cresce e floresce felicidade. Mesmo acompanhados e a solidão atormenta, é importante saber que existem outros campos que esperam ser verdejados e floridos. Nascida uma flor, o campo já não estará mais solitário e esquecido. Existirá agora mais um belo jardim à ser cultivado, não mais só, terá sempre uma única flor a alegrar-lhe a vida. Beijos, amiga. Lindo soneto!

poetaeusou . . . disse...

*
lindo amiga,
parabens,
,
conchinhas deixo,
,
*

Ana Lúcia Porto disse...

"...É preciso saber abrir os braços,
agarrar o amor pelos espaços...
Quem sabe... Ronda perto e não se vê!" Addorei!! Perfeito!!
Que ilhas lindas e que belíssimos poemas...
Desse jeito, bateu-me saudades de Lisboa (janeiro de 1999)... Nada especial, mas a turnê em si e terminando num país que pude entender bem a conversa, até que enfim. Os portugueses são simpáticos e extrovertidos... Boas lembranças...
Beijos,
Ana Lúcia.

FOTOS-SUSY disse...

OLA QUERIDA MAE, QUE TENHAS UM LINDA NOITE, CHEIA DE MUITA PAZ, SAO OS VOTOS DOS TEUS NETOS, GENRRO,E UM BEIJO MEU COM MUITO AMOR...

A TUA FILHA QUE TE ADORA, SUSY!!!

RosanAzul disse...

Adorei teu poema Fernandinha e as fotos lindas tbem. As hortências parecem pintura... lindas! Paz e Luz! Obrigada pelo carinho da visita! Ro

Mário Margaride disse...

Querida fernandinha

Como é bom podermos fazer crescer essas plantas, e rega-las com o elixir do amor...

Beijinhos e bom fim de semana

Mário

LOURO disse...

Olá Fernandinha,

Belo soneto e fotos!!!

Bom fim de semana,

beijinhos de carinho e amizade

Lourenço

Princesa disse...

obrigada pela visita...

"Muito freqüentemente,

nós subestimamos o poder do carinho,

de um sorriso, uma palavra amável,

um ombro amigo, dar ouvidos,

um elogio honesto, ou o menor ato de dedicação,

pois todos têm o poder de transformar uma vida."

Bom fim de semana
um beijo

RETIRO do ÉDEN disse...

Amiga,

Vimos desejar-lhe um fds. cheio de felicidade.

Abraço
Mer

©tossan disse...

Amiga Fernanda vim apreciar mais fotos e degustar um pouco mais da magia dos teus lindos sonetos. BFS!
Beijo

Anita disse...

Existem, as pessoas que são maravilhosamente amigas.
Um amigo doce como o mel de uma flor que desabrochou numa estrela e que veio até nós num lindo sonho!
E ainda bem que são amigos, porque flores, estrelas ou sonhos, mais cedo ou mais tarde, terminam... Mas a amizade... A amizade verdadeira não termina nunca...


Um abençoado fim de semana.
Beijinhossss
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

Paula disse...

Quem sabe... ronda perto e não se vê!
Muitas vezes somos cegos mesmo!
Poema de uma força espectacular!
Abraço

O Profeta disse...

Ah mas esta calmaria aprisionada
Sobe ao celeste um frio arrepio
Entre o mar e as negras pedras
Vive um coração de onde escorre um rio
Onde moram sereias douradas
Onde os peixes falam de amor
Onde as pedras são felizes
Onde as águas lavam o rancor


Boa fim de semana


Doce beijo

♥ ♥ Rabiscando disse...

Belíssimas fotos e acompanham com perfeição o belo poema.

Ótimo fds!

beijos!

Everson Russo disse...

Um lindo sabado cercado de amor e paz pra ti querida, beijos no coração...

FOTOS-SUSY disse...

OLA QUERIDA MAE, TE ADORO QUE TENHAS UM FELIZ SABADO...

BEIJINHOS COM MUITO AMOR DE NOS TODOS!!!

SUSY- LUIS-TIAGO-KEVIN...

Maria Faia disse...

Linda Amiga Poetisa,

A magia das palavras conjugada com a maravilhosa criação natural é das mais belas formas de espraiar a alma.
Obrigado amiga.

Beijo com votos de BFS

Maria Faia

Mariano P. Sousa disse...

Fernandinha!
Teu blog!
É demais, um encanto!
Lindas imagens, belos poemas!
Esse soneto é profundo e verdadeiro!
parabéns menina!
Beijão no coração!

Agulheta disse...

Fernandinha. Por vezes precisamos de alguém que nos ouça e fça parte de nós,vejo que encontras-te e fico feliz.Estou de férias e deu para visitar os amigos e deixar um abraço e beijinho doce. Adorei as fotos de beleza que nos delicias.
Lisa

Angel of Light disse...

Que bom que é vir aqui e colher um pouco das cores da tua ilha e das tuas sempre lindas palavras.

Fica bem. Fica em Paz.

Beijinhos de Amor e Luz salpicados de Harmonia.

MEUS POEMAS disse...

querida, fiquei de cara com tantos comentários, como vc é querida!
Obrigada por sua constante presença em meu blog, fico muito feliz!
É tudo mt lindo aqui, parabéns!
Bjão pra vc amiga!
Gena

O Árabe disse...

Semana feliz, amiga!

FOTOS-SUSY disse...

QUERIDA MAE, FELIZ DOMINGO CHEIO DE MUITA PAZ E ALEGRIA...BEIJINHOS E
ABRACOS DE TODOS NOS...

SUSY,LUIS,TIAGO,KEVIN.

sol pereira disse...

Oi amiga!

Ando meio somida. Mas te gosto muito e agradeço sempre a tua presença em minha página. Teu blog é muito lindo tuas poesias são marilhosas. Um beijo, Sol

Everson Russo disse...

DEixando pra ti muitos beijos no coração e o desejo que tenha uma otima semana em paz e poesia...

Anónimo disse...

QUERIDA FERNANDINHA, ENTREGÁSTE O TEU CORAÇÃO A ALGUÉM... SABES SE TE MERECE ?
PENSA NISTO... BEIJINHOS DO AMIGO JUAN BASTOS

J. Monteiro disse...

Soneto maravilhoso!
Muito bem estruturado...
Fico bastante orgulhoso...
Por ser a luz do meu fado!

Parabens fernandinha por tão lindo poema! É a alma da Poetisa que simplesmente, diz o que ela sente!

Beijos de carinho

José Monteiro

Amordemadrugada disse...

Olá Fernanda
Obrigada por tuas palavras
Tb gostei imenso destas maravilhosas fotos e dos teus poemas
beijito e boa semanita

Marlene Maravilha disse...

"Procurem o amor, desventurados!
não queiram viver sós acompanhados!
Nem tudo o que acontece se prevê!...

É preciso saber abrir os braços,
agarrar o amor pelos espaços...
Quem sabe... Ronda perto e não se vê!"
Nao preciso nem comentar!
Belissimo!
beijo